MENU

07/10/2020 às 21h55min - Atualizada em 07/10/2020 às 21h55min

Qual a ligação dos esportes na recuperação dos dependentes químicos?

Recuperação através dos esportes

Portal de Recuperação - Fernando
portalderecuperacao.com.br/
portalderecuperacao.com.br/
Qual a ligação dos esportes na recuperação dos dependentes químicos?

A atividade física, quando bem orientada, tem um efeito terapêutico importantíssimo. Mas você sabe, ao certo, qual a ligação dos esportes na recuperação dos dependentes químicos e na sua reabilitação?

Primeiramente, vale lembrar que a OMS (Organização Mundial da Saúde) classifica a dependência química como uma doença. Ela recebe o código CID-10, que a descreve como uma enfermidade incurável e progressiva, embora possa ser estacionada pelo tratamento e abstinência.

Diante dos fenômenos fisiológicos e psicológicos decorrentes do vício, os exercícios são positivos para a recuperação do paciente. Programas esportivos bem embasados e disciplinados melhoram a sua qualidade de vida, bem como a resposta ao tratamento.

Ao ser elaborado um plano de recuperação para o dependente químico, as atividades físicas e esportivas não podem ficar de fora. Afinal de contas, esse é um procedimento que se aplica a outras doenças crônicas também, tais como a hipertensão, a asma e a diabetes.

As vantagens são diversas. Não somente para o tratamento propriamente dito como para o bem estar do indivíduo nas mais diversas esferas da sua vida.

Vantagens dos exercícios e esportes na reabilitação de dependentes

O tratamento da dependência química deve ser individualizado para que possa atender as demandas pertinentes a cada caso. Ao considerar essas particularidades, é possível aliar a prática de esportes e atividades físicas à desintoxicação e ao resgate da autoestima do paciente.

Dentre as diversas vantagens que o exercício pode trazer ao tratamento, estão:

    •    Alívio do estresse: a prática de atividades físicas reduz o estresse mental e físico, cumprindo um papel fundamental no dia a dia que, anteriormente, estava sendo desempenhado pelas drogas;
    •    Liberação de endorfinas: os esportes ajudam na liberação de endorfinas que aumentam a sensação de bem estar e felicidade, além de reduzirem os sintomas depressivos que a pessoa enfrenta ao lidar com o vício;
    •    Melhoria do humor: o sentimento de orgulho, realização, autoestima e todos os demais benefícios dos exercícios se refletem diretamente no humor do paciente, permitindo uma reabilitação mais suportável e bem sucedida;
    •    Recuperação do condicionamento: o uso de substâncias entorpecentes pode deixar sequelas que o esporte ajuda a minimizar, em especial no que diz respeito a condicionamento físico e cardiorrespiratório;
    •    Aumento da sociabilidade: a interação de atividades esportivas em grupo é excelente para a interação com outras pessoas, respeitando limites e regras que podem ser comparadas às da vida em sociedade. Isso sem falar nos vínculos afetivos e amizades que podem ser construídas com os demais envolvidos no processo.

As atividades físicas mais recomendadas

O exercício físico ideal é sempre aquele que a pessoa gosta e sente-se bem praticando. Pois, somente assim, ela terá ânimo para manter um ritmo frequente na prática da atividade ou esporte.

São inúmeras as possibilidades, desde exercício aeróbicos, musculação, natação, yoga e artes marciais até esportes com regras bem definidas, tais como futebol, basquete, voleibol, entre outros. Para quem é sedentário e está começando, mesmo uma caminhada diária pode ser uma boa pedida.

No entanto, lembre-se sempre da importância do acompanhamento de um especialista. Profissionais da educação física são habilitados para realizar uma avaliação e indicar as atividades recomendadas para o seu caso.

O Portal de Clínicas de Recuperação, busca através de profissionais gabaritados trazer ao leitor matérias explicativas para saber lidar com esta terrível doença que assola todo mundo, onde você também encontrará diversos tipos e unidades de tratamento para fazer uma internação ou buscar apoio profissional.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Onde realizar o tratamento de dependentes químicos?

0%
5.0%
95.0%
Podemos Ajudar?