MENU

05/09/2020 às 19h07min - Atualizada em 05/09/2020 às 19h07min

Como funciona o plano para tratamento de dependente químico

Clinida de Recuperação Brasil - Fernando
https://www.clinicaderecuperacaobrasil.com/
https://www.clinicaderecuperacaobrasil.com/


As diferentes abordagens para um tratamento aos dependentes químicos vão variar conforme determinados fatores. Para entender como funciona o plano para tratamento de dependente químico é preciso compreender algumas fases que o sujeito possa estar, se preparando para o momento de receber a ajuda.

A relação de cada dependente com as drogas é diferente, por isso, as abordagens multidisciplinares são tão importantes no tratamento. Conseguindo abordar de maneira geral e específica cada um dos aspectos que a droga afeta, o sujeito recebe uma maior motivação para conseguir seguir uma vida de abstinência.

Primeiras etapas

Quando o paciente ainda está em uma fase de vida em que não está pensando em começar um tratamento, é importante mesmo assim, tentar ajudar. Nesse momento, o paciente não vai aceitar ajuda, por isso, os profissionais podem oferecer alguma maneira de minimizar os danos que as drogas causam, oferecendo uma redução de danos.

Quando ele começa a perceber que há uma necessidade de mudar e iniciar algum tipo de tratamento, é possível já conversar com o paciente para que ele entenda as motivações internas para parar com a droga. Ao trabalhar usando a técnica de consulta motivacional, o paciente consegue sair do momento da dúvida sobre que tipos de malefícios e benefícios da droga.

Parte importante de trabalhar e pensar em Como funciona o plano para tratamento de dependente químico é conseguir oferecer uma orientação, dando informações sobre as drogas para que o paciente consiga aos poucos ficar ainda mais motivado para ingressar em um tratamento.

Fases da motivação para mudança

Pré-contemplação

A fase de pré-contemplação vai definir quando o paciente não está percebendo os seus malefícios, sem entender os prejuízos que a droga está trazendo para a sua vida. Continua fazendo uso da droga e também não consegue planejar parar pelos próximos 6 meses.

Parte do plano desse momento é convidar o sujeito a refletir sobre isso, evitando um confronto, apenas removendo as barreiras sobre um tratamento, propondo alguma medida de controle de dano.

Contemplação

Na parte de como funciona o plano para tratamento de dependente químico em que há a contemplação, o indivíduo já percebe que está tendo problemas por estar usando algum tipo de droga, mas mesmo assim, não vai tomar nenhuma ação para reduzir ou pelo menos parar de usar a droga. Ele pensa sobre isso, mas ainda não toma uma ação.

Por isso, o momento é de discutir os prós e contras do uso da droga, tentando ajudar o dependente químico a conseguir perceber que os seus objetivos de vida não são compatíveis com uma vida em que há droga no meio.

Preparação

Já na preparação, o paciente vai continuar usando a droga, mas ele já tentou pelo menos uma vez a parar de usar a droga, tentando, mas não conseguindo. Ele já pensa em parar de maneira a passar por uma abstinência da droga, sendo algo que está mais fácil a pensar e conseguir.

Assim, parte de como funciona o plano para tratamento de dependente químico nesse momento é conseguir remover a barreira do tratamento, ajudando de maneira mais ativa o paciente a buscar o tratamento. É possível demonstrar maior interesse pelo assunto, apoiando a atitude de que ele queira se tratar, conversando sobre a possibilidade do tratamento.

Ação

Na parte de ação, o paciente já consegue aceitar e conseguiu parar de usar a droga, por pelo menos, seis meses. Esse é o momento em que já com o tratamento, o paciente começa a implementar a ajustar os projetos terapêuticos, recebendo a ajuda de uma equipe multidisciplinar para lidar com isso.

Manutenção

Na parte de manutenção, o paciente já está conseguindo se manter sem usar as drogas por 6 meses, pelo menos. Nesse momento, há uma construção de um novo estilo de vida, onde há maior autonomia por parte do paciente, também sendo responsável pela sua vida e por ficar em abstinência.

Recaída

Por último, é possível entender que parte de como funciona o plano para tratamento de dependente químico também envolva a parte de recaída. O paciente dependente pode acabar voltando a consumir a droga, por isso, a abordagem é passar por uma reavaliação do estágio de motivação do paciente.

Se você está precisando de orientação e conhecer os procedimentos, locais de atendimento e valores para um tratamento na Clínica de Recuperação Brasil entre em contato agora mesmo.

Fonte: www.clinicaderecuperacaobrasil.com

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Onde realizar o tratamento de dependentes químicos?

0%
8.3%
91.7%
Podemos Ajudar?