MENU

28/08/2020 às 17h44min - Atualizada em 28/08/2020 às 17h44min

Internato para Dependentes Químicos

Guia de Clínica - Fernando
https://guiadeclinica.com.br/
guiadeclinica.com.br


Várias famílias, ao observarem algum parente nessa situação, busca todas as saídas para sanar esse problema mortífero. Contudo, muitos não conseguem obter êxito nessa procura de um internato para dependentes químicos contínua e desgastante. Inúmeras empresas oferecem serviços visando o tratamento do viciado, mas são poucos os institutos que trabalham de forma correta como se manda a nossa legislação.

Nós objetivamos o tratamento do indivíduo focado na base psicológica da pessoa, pois não adianta colocar o viciado para realizar atividades sem ter um estudo por trás, verificando se ele é valido ou não. O carinho é expresso de forma simples, marcante e zelosa pelo cidadão.

Todos os funcionários são treinados de forma apta para observar, com todas as minucias, como os procedimentos devem ser abordados, de forma individualizada a cada pessoa, tratando ela e sua família com exclusividade e respeito. Na clínica de internação, o ser humano tem vez!

O internato hospitalar e também para dependentes de drogas e álcool corresponde ao período dos últimos anos do curso de graduação em medicina (em geral os últimos dois anos), no qual o aluno tem um estágio automático em um ou vários hospitais, no qual acompanha as disciplinas básicas na medicina: Saúde Coletiva, Clinica Médica, Pediatria, Ginecologia, Psquiatria, Dependência Química e Obtestrícia e Cirurgia Geral.

O Colegiado do Curso de Graduação em Medicina poderá autorizar, no máximo 25% da carga horária total estabelecida para este estágio, a realização de treinamento supervisionado fora da unidade federativa, preferencialmente nos serviços do Sistema Único de Saúde, bem como em Instituição conveniada que mantenha programas de Residência credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica e/ou outros programas de qualidade equivalente em nível internacional.

Aproveite e saiba o tempo que se demora para desintoxicar de drogas.

maconha, pode ser detectada em até 30 dias pela urina, em até 90 dias pelo cabelo e em duas semanas pelo sangue. A cocaína pode estar presente por até quatro dias na urina, 90 dias no cabelo e até dois dias no sangue. A heroína fica até quatro dias na urina, 90 dias no cabelo e 12 horas no sangue.

LSD fica até três dias na urina, até três dias no cabelo e menos do que cinco horas no sangue. O MDMA permanece no xixi por até quatro dias, 90 dias no cabeço e até dois dias no sangue. A metanfetamina é detectável em até seis dias pela urina, 90 dias pelo cabelo e três dias pelo sangue.

Esses dados, é claro, são uma média. O tempo varia de pessoa para pessoa, já que temos metabolismos diferentes. Tem muito espertinho que acredita que beber bastante água ajuda a acelerar esse processo, mas a verdade é que os exames medem a hidratação sanguínea e conseguem ser precisos mesmo assim.

Somos um Guia de Clínica especialistas em tratamento de dependentes químicos,
contamos com profissionais especialistas e com estruturas de alta qualidade.

Ao iniciar o tratamento para dependência química, o paciente passa por uma série de exames laboratoriais para saber como está seu estado físico e se a droga atingiu algum de seus órgãos. Durante esta etapa, o paciente será assistido de perto pelos médicos, e pela equipe de enfermagem, passando por um processo medicamentoso para amenizar os efeitos da abstinência e acelerar o processo de desintoxicação.

Dicas para ajudar um dependente químico

  1. Utilize palavras de incentivo. ...
  2. Estabeleça limites. ...
  3. Converse. ...
  4. Procure ajuda profissional. ...
  5. Demonstre confiança. ...
  6. Em caso de necessidade interne imediatamente...
  7. Utilize a Internação Involuntária

 O que não fazer com um familiar dependente químico

  • Não encubra seus erros;
  • Não impeça que ele pague pelas consequências dos seus atos;
  • Não faça coisas que ele pode fazer por si próprio;
  • Não ajude financeiramente.

Finalmente para ter acesso a um internato de dependentes químicos em sua cidade que hoje temos unidades em São Paulo (SP), Minas Gerais (MG), Paraná (PR), Santa Catarina (SC), Rio Grande do Sul (RS), Bahia (BA), Pernambuco (PE), Paraíba (PA), Rio de Janeiro (RJ), Alagoas (AL), Espírito Santo (ES), Distrito Federal (DF), Goiás (GO), Mato Grosso (MT) e Mato Grosso do Sul (MS), fale com nossa equipe de atendimento e tenha uma solução para este temporário problema.

Mande um e-mail agora.

Fale via WhatsApp: (11)97023-3830

Fonte: www.guiadeclinica.com.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Onde realizar o tratamento de dependentes químicos?

0%
8.3%
91.7%
Podemos Ajudar?