MENU

07/09/2020 às 12h41min - Atualizada em 07/09/2020 às 12h41min

O papel de cada profissional na recuperação de dependentes químicos

Grupo Clinica de Recuperação - Fernando
https://grupoclinicaderecuperacao.com.br/
https://grupoclinicaderecuperacao.com.br/

Você sabe qual é o papel de cada profissional na recuperação de dependentes químicos? Se ainda não sabe vamos falar um pouco sobre como cada profissional atua no processo de recuperação da dependência química.

Muitas pessoas já enfrentaram ou estão inda enfrentando o dilema da luta contra as drogas. Segundo estatísticas de diversos órgãos sobre o tema, estamos entre os países que mais consumem drogas de forma geral, desde álcool até drogas sintéticas e menos conhecidas das pessoas em geral.

dependência é uma realidade cruel que tem atingido pessoas de gêneros, condições socioeconômicas, idades e regiões diferentes do Brasil. Assim que e diagnosticada a dependência química, muitos procuram casas ou centros de recuperação para acompanhar o dependente do tratamento e a maioria dessas instituições possui uma equipe que é formada por profissionais diversos. 

É possível voltar ao que era antes?

Essa é uma dúvida que muitas pessoas alimentam. Ouvimos histórias sobre pessoas que deixaram o vício após meses ou até anos lutando contra ele e parecem relatos descolados da realidade. Mas o fato é que muitas pessoas realmente se recuperam e essas recuperações tem por detrás delas o trabalho incansável e competente de diversas pessoas que se dedicam a atuar no tratamento de dependentes químicos. Vamos ver o que fazem cada um deles:

Médico

De forma geral o médico de clínica geral será aquele que terá o primeiro contato com alguém sobre quem existe uma suspeita de dependência química. Através de exames prévios e uma conversa com o paciente esse médico poderá verificar se há indícios de que aquela pessoa é realmente viciada ou não em algum tipo de entorpecente.

Os médicos que não têm especialidade na área de psiquiatria dificilmente irão além desse diagnóstico inicial. Muitas casas de recuperação nem contam com esse tipo de profissional, cuja função pode muito bem ser feita por um médico especializado na área de psiquiatria.

Médico Psiquiatra, qual é a função dele?

O psiquiatra muitas vezes é confundido com o psicólogo ou com o psicanalista, mas não devemos confundir estas funções. O psiquiatra é alguém que estudou medicina e se especializou nesta área, não tendo feito um curso de psicologia como é o caso do psicólogo. Pra não fazer esse tipo de confusão é que precisamos saber qual é o papel de cada profissional na recuperação de dependentes químicos.

Acontece que em muitos casos o tratamento exige medicação. Seja porque a abstinência gera uma agressividade excessiva que precisa ser controlada por meio de remédios, ou porque a dependência produz efeitos colaterais como ansiedade, depressão e síndrome do pânico, questões que muitas vezes exigem uma intervenção medicamentosa que dê o mínimo de qualidade de vida e discernimento ao dependente químico.

O que faz o psicólogo?

O psicólogo por sua vez é um profissional que cuida da mente sem intervenções externas ao diálogo como é o caso do psiquiatra. O objetivo da atuação do psicólogo é identificar o que levou o paciente ao estado dependência.

Podemos dizer que, enquanto o psiquiatra cuida do problema mais evidente o psicólogo vai em questões mais profundas e procura sondar em seus encontros com o dependente e seus familiares quais foram as circunstâncias e motivos que levaram a pessoa àquela situação. A maioria dos casos de dependência envolve questões que não foram bem resolvidas na vida do paciente, que somadas a fatores genéticos criam o ambiente propício ao surgimento do vício.

Qual a importância do enfermeiro?

Nas clínicas e casas de recuperação o enfermeiro é fundamental. Geralmente ele serão profissional que terá mais contato com o paciente, acompanhará sua evolução e interpretará os relatórios e orientações os outros profissionais, verificando se os demais técnicos estão seguindo à risca cada recomendação.

Profissionais de Nutrição também podem ajudar?

Sim, as pesquisas e estudos mais recentes realizadas por instituições preocupadas com a questão das drogas têm revelado que a alimentação pode ser mais uma forma de promover cura e recuperação de indivíduos que lutam contra a dependência química.

Ainda existem outros profissionais?

Sim. Citamos aqui apenas os mais importantes para que você possa entender de forma geral qual é o papel de cada profissional na recuperação de dependentes químicos. Mas outros profissionais complementam essas equipes como educadores físicos, fisioterapeutas. Cada caso específico exige a inclusão da atuação deste ou daquele profissional e quanto mais completa a equipe que acompanha mais rápida é a recuperação.

Fonte: www.grupoclinicaderecuperacao.com.br


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Onde realizar o tratamento de dependentes químicos?

0%
4.5%
95.5%
Podemos Ajudar?