MENU

27/10/2020 às 07h00min - Atualizada em 27/10/2020 às 07h00min

Quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico?

Desintoxicação de drogados

Portal de Recuperação
Portal de Recuperação
Instituto Nova Vida

Uma das principais perguntas que um paciente ou sua família fazem quando buscam o tratamento é: quanto tempo leva a recuperação de um dependente químico?

Bem, a resposta é que depende. Depende exatamente daquilo que você quer dizer com recuperação. Se você acha que a dependência química possui cura, a resposta é “não”.

Esse tipo de vício é, na verdade, uma doença, que pode ser equiparada a doenças crônicas, como a asma. Você pode controlar sua intensidade e os seus sintomas, mas ela nunca vai desaparecer por completo.


Quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico? Quando as pessoas falam sobre desintoxicação, geralmente se referem a uma das duas coisas: o ato de desintoxicar uma substância ou um programa de tratamento de desintoxicação.

Desintoxicar de drogas ou álcool envolve limpar o corpo de substâncias e gerenciar quaisquer sintomas de abstinência que ocorram.

Todo o processo pode levar de alguns dias a vários meses. Por exemplo, o álcool deixa o corpo depois de alguns dias, mas a desintoxicação dos desejos pode levar muito mais tempo. Quanto tempo leva a desintoxicação depende de vários fatores, incluindo:

  • Qual substância foi abusada
  • Se várias substâncias foram abusadas
  • Com que frequência o usuário abusou da substância
  • Quanto da substância o usuário tomou
  • Histórico médico do usuário
  • A idade do usuário
  • O sexo do usuário

Quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico?

A duração do tratamento pode ser muito variável: entre 1 e 30 dias, pois depende dos efeitos desejados e da tolerância ao tratamento. De fato, alguns preferem uma cura expressa por alguns dias (cerca de 10 dias) ou espalham essa cura suavemente por um mês.

Os programas de tratamento de desintoxicação são projetados para ajudar indivíduos durante o processo de retirada.

A desintoxicação é considerada a primeira fase de recuperação do vício e não deve ser considerado um substituto para qualquer reabilitação ou terapia necessária a seguir.

Ocorre que, como cada pessoa é única, da mesma forma o tratamento de cada paciente também será único. Sua duração irá depender de inúmeros fatores, tais como: o tipo de droga usada, o tempo e a profundidade do vício, os fatores psicológicos que o levaram a buscar a droga como alívio, a existência de apoio familiar ou não, se a procura da cura foi voluntária ou não, se o paciente aderiu de fato ao tratamento, etc.

É claro que conseguimos estabelecer uma média: em geral, a fase de desintoxicação e de tratamento dura de 30 dias a um ano, sendo que, em média, os programas de maior sucesso são os de 90 dias. Entretanto, há que se ter em mente que a manutenção do estado sóbrio, o período pós tratamento, durará a vida inteira.

Quanto tempo leva para a desintoxicação de drogas e álcool?

Na maioria das vezes, um indivíduo pode desintoxicar substâncias dentro de uma semana (embora os desejos possam persistir por meses depois). Alguns dos sintomas mais graves da abstinência parecem não fatais, como vômitos e diarreia.

No entanto, a desidratação rápida causada por esses sintomas pode ser fatal. Consequentemente, a maioria dos programas de tratamento de dependência inclui e encoraja fortemente a desintoxicação medicamente supervisionada.

A tabela abaixo ilustra o tempo aproximado de desintoxicação e os sintomas típicos de abstinência associados a cada fase.

Álcool

Alcoolismo: Os sintomas de abstinência começam, como ansiedade, insônia e tremores.  Os sintomas atingem o pico em 72 horas. Convulsões, febre e alucinações podem ocorrer. Os sintomas físicos da abstinência diminuem. Pode sentir desejos até ser tratado com terapia.

Benzodiazepínicos

Benzodiazepínicos: Irritabilidade, náusea, dor de cabeça e dores musculares são sintomas precoces. Dependendo da intensidade da dose, os sintomas de pico podem incluir ansiedade, irritabilidade, tremores, inquietação, vômitos e palpitações.·.

A insônia rebote ocorre em muitos casos de abstinência. A retirada grave pode durar de 10 a 14 dias e inclui alguma perda de peso, dificuldade de concentração e alterações nas habilidades perceptivas.

Alucinógenos

Dependendo do alucinógeno específico, a abstinência pode incluir dores de cabeça, desejo por drogas e sudorese.

Se ocorrerem sintomas de abstinência, a maioria deve diminuir e diminuir gradualmente na primeira semana de desintoxicação.·.

Alterações no sistema de recompensa da dopamina no cérebro podem resultar em alterações de humor até que os níveis naturais voltem ao normal.       Sabe-se que o PCP produz desejos de drogas em indivíduos após o uso.

Maconha

Maconha: Manter-se hidratado, comer alimentos saudáveis ​​e se exercitar pode aliviar os sintomas iniciais de abstinência. Os sintomas de abstinência incluem alterações de humor, apetite reduzido, dores de cabeça, insônia e problemas de estômago.·.

Sintomas mentais como irritabilidade, perda de foco, desejo por drogas e aumento da sensação de depressão podem ocorrer.

Opioides , heroína

A retirada depende de quão rápido o opioide é de ação. A retirada da heroína pode começar após algumas horas e incluir dores musculares, ansiedade, olhos lacrimejantes, coriza, sudorese, insônia e bocejos frequentes.·.

Os picos dos sintomas incluem diarreia, náusea, vômito, cólicas abdominais, arrepios, visão embaçada e batimentos cardíacos acelerados.

Os sintomas diminuem, mas ainda podem ocorrer problemas digestivos, perda de apetite, desidratação ou convulsões. Para vícios graves, insônia, irritabilidade, desejos, sudorese, ansiedade e depressão podem persistir por 6 meses ou mais.

Estimulantes (cocaína , metanfetamina)

Estimulantes como cocaína e metanfetamina: O “acidente” de abstinência inicial pode incluir fadiga, dores no corpo, irritabilidade e humor alterado.Os danos cerebrais causados ​​pelo abuso de drogas podem levar a sintomas depressivos ou psicóticos.
 

  • Cocaína

A cocaína é uma droga estimulante que passa pela corrente sanguínea de forma muito rápida. Apesar disso, seus efeitos são bastante intensos, e normalmente incluem episódios de euforia, autoestima elevada e picos de energia, acelerando os batimentos cardíacos e elevando a temperatura corporal e a pressão sanguínea. A abstinência geralmente ocorre em três fases, sendo que a primeira ocorre cerca de nove horas após o consumo da última dose, e inclui agitação, depressão, sono excessivo e apetite aumentado. Em seguida, por cerca de uma até três semanas o usuário é tomado de uma grande ansiedade, irritação, insônia e é a fase em que o desejo pela droga é mais intenso. Por fim, por diversos meses ainda o viciado pode ter episódios de depressão e vontade de voltar a usar a droga.

  • Heroína

Outra droga estimulante, a heroína também provoca picos de euforia, e seus efeitos são ainda mais rápidos que a cocaína. Da mesma forma, ela também deixa o corpo muito rapidamente, sendo que 12 horas após a última dose os primeiros sintomas da abstinência começam a aparecer, e eles são também mais intensos, podendo chegar ao seu pico em 24 ou até 48 horas. Os sintomas são bastante parecidos com os de uma gripe forte, sendo que, em um primeiro momento, o usuário sente ansiedade, insônia e pode ter episódios de coriza, dores musculares, suores e cansaço; em um segundo momento, pode ter dores abdominais, diarreia, vômitos e tremores pelo corpo.

  • Analgésicos

Os analgésicos são medicamentos geralmente receitados para cortar a dor de pacientes que sofreram algum acidente ou passaram por alguma cirurgia. No entanto, também têm o efeito colateral de causar picos de prazer e de euforia, motivo pelo qual muitas pessoas acabam se viciando em seus efeitos. Isso é tão grave que os efeitos da abstinência chegam a ser muito parecidos com os do consumo de heroína, muito embora durem por um período menor, de cerca de 5 a 10 dias.

  • Álcool

Uma das drogas de maior utilização no mundo, estima-se que cerca de um a cada 12 adultos lutem contra o vício contra o álcool. Uma pessoa que bebe muito por um longo período de tempo pode experimentar sintomas de abstinência tão graves quanto os de quaisquer outras drogas ilícitas. Cerca de oito horas após a última dose, o viciado pode experimentar sintomas como ansiedade, depressão, dores de cabeça, insônia, mudanças repentinas de humor, tonturas, tremores e até vômitos. O pico dos sintomas ocorre entre 24 até 72 horas da última bebida, o que torna necessário que haja um monitoramento de perto do processo de detox de álcool.

Encontre um programa de desintoxicação

Desintoxicação é o primeiro passo integral da recuperação. Para indivíduos que sofrem de um Transtorno por uso de substâncias, entrar na desintoxicação pode salvar vidas.

O tratamento assistido por medicação pode reduzir os sintomas dolorosos de abstinência e aumentar suas chances de passar com sucesso para um programa e terapia de reabilitação hospitalar ou ambulatorial.

Grande parte dos programas de internação dura 30, 60 ou 90 dias; entretanto, nos casos mais graves, eles podem chegar a durar mais que isso. Se o paciente escolher um acompanhamento à distância, o tempo pode ser maior ainda.

Há que se ter em mente, entretanto, que, quanto maior a duração do tratamento, menor o risco de recaídas acontecerem após a alta. Após esse período, o paciente estará liberado para retornar ao convívio em sociedade.

Entretanto, é fundamental que ele participe, pelo menos por algum tempo, de algum programa de manutenção, já que ele voltará a lidar com frustrações diariamente, e, por isso, alguma ajuda, de início, é fundamental, até que ele consiga sozinho lidar com os problemas do cotidiano.

Converse hoje com um profissional do Portal de Recuperação para obter informações sobre suas opções de desintoxicação.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Onde realizar o tratamento de dependentes químicos?

0%
8.8%
91.2%
Podemos Ajudar?